sexta-feira, 2 de julho de 2010

Cheia dele...

...envolvida, submersa constantemente. E cada vez me afogo mais, dói, mas para. E joga raios dentro de mim. Penetram todo meu corpo. Não sai, fica caminhando em minhas veias, dilacerando cada milímetro delas. E corre, relampeja, consome. Nunca acaba. Se for pra morrer, morrerei com ele, morrerei dele, não me importo. Se for de sofrer será fácil, fácil até demais, ele abre portas, dá continuidade, ampara, faz chorar, mas alivia. E quando penso em me acalmar, é mais uma luta vã, por que não é nada devagar, é sempre rápido, veloz, chega a ser ignorante. Tem que ser, tem que haver. Sempre muito, transbordante, inquieto... É a partir dele que tudo é criado, é sobre ele que os sonhos são feitos. Sobre, em cima, alto, longe. Dentro. Bem mais perto que isso. Um tremor inexplicável na alma nunca vazia, ele não se deixa diminuir... Se  renova sozinho, mas é preciso um empurrãozinho pra apimentar. É claro e tão doce que instiga palavrões e palavronas, juntinhos num romance. Não especifica, não dá dicas, e ainda assim é tão fácil percorrê-lo, eu disse percorrer e não descobrir ou entender... Ah, isso não, não dá pra entender, definitivamente!! O que torna um desafio ainda mais interessante. Pode ser perigoso também, quando desmedidamente ele se apossar da alma e do coração. A partir daí eu não sou de mim, sou dele e inteiramente... E sabe... não sei onde está o perigo disso, sendo que é por causa dele que choro de saudade; que me alegro em estar perto; que me envaideço em tê-lo... então, torna-se um equilíbrio: Eu o possuo e ele já me tem! Ah, o amor!

8 comentários:

  1. Incontestávelmente superior, magnífico, super, não sei mais o que dizer esse foi.....
    Dai eu amei é muito lindo e não é a "tia Telma" que ta falando é a leitora Telma quero que você entenda isso, pois tia puxa saco e leitora não, leitora faz critica e eu estou afirmando que que está muito bom.
    Te amo minha pequena

    ResponderExcluir
  2. haha
    que bom que curtiu o trabalho!
    é muito legal, dá uma dor de cabeça do cão, mas a recompensa é maravilhosa :D
    até agosto então, calourinha!
    :*

    ResponderExcluir
  3. Vc escreve muitissimo bem!! Parabéns...

    Acesse, Comente e Siga:

    WWW.ECOSDAALMA.COM

    ResponderExcluir
  4. Conheço do assunto.Você é parte. Te amo, muito.


    mamãe.

    ResponderExcluir
  5. Sua sensibilidade me constrange...

    Amo-te!

    PAZ.

    ResponderExcluir
  6. É de uma sutileza...

    ResponderExcluir

Leia e comente se acha que eu vou ficar feliz com isso. =]